Switch?

É verdade. Comprei um Macbook. Se der eu ponho as fotos dele aqui ou no Flickr.

Sempre tive medo de trocar PC por Mac porque tinha medo de não me adaptar a alguns detalhes. Mouse sem botão direito, atalhos de teclado (embora use no windows prefiro o botão direito na maioria deles), a organização dos arquivos e a configuração do teclado para os atalhos. Resolvi apostar dessa vez porque agora os Macs podem rodar Windows então me senti um pouco mais seguro.

O computador está comigo desde o domingo mas ainda não tenho opinião formada porque não coloquei ele ainda sob testes pesados dos softwares que mais uso.
Ainda estou baixando o Reason, instalei o Office hoje de manhã e pretendo até o próximo domingo instalar o Photoshop, After Effects e o Final Cut Studio.

O que me espantou, além do design e da funcionalidade de alguns softwares foi o fato de colocar periféricos sem a preocupção de ter ou não o driver. Pluguei a filmadora, rolou. Pluguei a máquina digital, rolou. A única coisa que não rolou direito foi a tablet mas isso eu sabia que ocorreria porque já tinha visto. Ela não estava funcionando como tablet mas sim como um mouse normal. Ah! e o botão direito funcionou de alguma forma. Não entendi bem ainda mas quando cliquei apareciam umas funções ali.

Pequeno, cabe na mochila sem dar bandeira, com todas as conexões possíveis. Bacana mesmo. A única coisa que não consegui ainda é alguma maneira de tirar a restrição de área do DVD player. Ainda estou com o limite de 5 trocas de área.

A idéia é: fazer os podcasts nele, editar os episódios do Puff Branco com ele em qualquer lugar e depois só fazer o upload.

Até setembro eu monto uma rede Wireless em casa. Só estou esperando o acabar a carência do Speedy para contratar o Virtua.
E digo mais: estou curtindo essa história de ter que aprender novamente a mexer em um computador.

5 thoughts on “Switch?”

  1. Seja bem-vindo! 😉 Se me permite, farei alguns comentários:

    1 – Mouse sem botão direito já se foi há tempos. Se antes já se podia usar qualquer mouse USB com Macs, agora até os mouses da Apple (Mighty Mouse wireless ou não) têm 2 botões — na verdade é um só, mas ele tem uma tecnologia e distingüe quando você quer usar o botão esquerdo ou o direito.

    2 – Esquece essa do DVD. Existem alguns softwares por aí que atualizam a firmware do drive para liberar as regiões, mas são para modelos anteriores ao seu, e mesmo assim são bastante perigosos. Se der alguma pane durante a execução, pode dizer adeus ao drive. Recomendo usar o VLC (procura no macupdate.com), programinha que consegue bypassar as restrições de região, via software, na maioria dos DVDs.

    3 – Que pena que estás curtindo aprender coisa nova, não dou 2 semanas pra você já saber tudo, aí acabou a brincadeira. 🙂

    Abraços.

  2. Uia, que chique! =D Eu ainda não tenho um mac, mas aqui vai algumas dicas de um noob, /o/

    O Photoshop por ainda não ser Binário Universal fica bem pesado nos MacIntel, por ser emulado pelo Rosetta. Imagino que o mesmo aconteça com os outros programas da suite Adobe. O que pode ajudar é aumentar a memória do mesmo.

    Com essa nova safra de equipamentos MacIntel, até o momento não conseguiram um forma segura de retirar a proteção de regiões do DVD, parece que existem modificações no próprio hardware. Então, cuidado. Nos powerbook ainda dava para usar o VLC sem problema para isso.

    Também tenho um certo receio quanto a troca de equipamento, mas ainda irei ter o meu mac. heheh

  3. Putz! Dani, acho que vc vai enlouquecer com o mac! Compraste o branquinho? Pois ele é isso tudo mesmo que falam e mais alguma coisa. Sou louco para ter um! mantenha-me atualizado das novidades sobre “ele”.
    abrá…

  4. O Versiontracker é bom, depois q vc se acostumar a ir nos sites que os usuários de Mac usam, vai ser barbada.
    Mac > windows, só é mais complicado de achar os recursos, mas qdo vc acha…

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.